Terapias - Juliana Infurna

Terapias

terapias

"Sua visão se tornará clara somente quando você olhar para dentro do seu coração. Quem olha pra fora sonha, quem olha pra dentro desperta."

Carl Jung

Precisamos falar sobre terapia...

Por que fazê-la?

Não há dúvida que vivemos em tempos difíceis. A solidão e a desconexão parecem ser endêmicas à sociedade atual e a depressão tida como doença do século. A internet e a tecnologia trouxeram incontáveis benefícios para a vida dos seres humanos, mas também incontáveis distrações e padrões “plásticos” de vida que separam os indivíduos cada vez mais de si mesmo e de sua natureza essencial.

A natureza da experiência humana e suas predisposições (programações psíquicas, genéticas e espirituais), aliadas à maneira ardilosa como a qual a sociedade está estruturada hoje, faz com que os seres humanos caminhem por este mundo confortavelmente hipnotizados, inconscientes de seus verdadeiros potenciais e propósito de vida e anestesiados pelos infinitos mecanismos de amortecimento (distrações) que lhes são oferecidos para amenizar a dor e preencher momentaneamente o vazio inerente a desconexão com suas almas.

O homem como ser desejante impulsionado pela busca do prazer, hedonista, dificilmente buscará a Terapia quando esta busca não for acompanhada pelo aumento da dor a um nível em que seus mecanismos de defesa do ego não estejam mais dando conta de operar no dia a dia a um nível satisfatório (que dependerá de cada um). A dor de não se estar vivendo torna-se maior do que a dor da mudança, sendo assim, o Ser parte em busca do seu autoconhecimento para compreender porque ele faz o que faz, entender seus daimons internos, em busca de uma vida mais harmonizada com sua verdadeira essência e ao fazê-lo, reagindo aos desafios e atritos da vida com mais lucidez, discernimento e paz.

Logo, a Terapia é um recurso que normalmente se busca em momentos de Crise, porém, uma vez aberta, é uma porta que traz infinitas possibilidades de cura e transformação.

A Terapia Lumni

Freud, ao desenvolver a ciência da psicanálise, traz à luz da ciência e da medicina a existência de uma camada profunda do psiquismo humano chamado de inconsciente, que é a fonte das pulsões energéticas (desejos, forças que nos movem) que se manifestarão através do ego.

“Convém ver no inconsciente a base de toda vida psíquica” Freud.

No inconsciente reside a fonte de compreensão de todas as patologias psíquicas que fazem o indivíduo sofrer. De acordo com a psicanálise, a relação entre o inconsciente x ego x superego (formação da personalidade) é feita por volta dos 7 anos de idade do indivíduo. Sendo assim, sem este autoconhecimento, vivemos a vida adulta praticamente com o olhar psíquico-emocional, inconsciente, de uma criança. 

Porém, o conteúdo inconsciente transpassa a educação de base. Num processo terapêutico, é preciso levar em conta o caráter quântico, energético e espiritual do Ser e do meio que o envolve. O inconsciente, além de individual, é coletivo e atemporal.

inconsciente

Aqui, o inconsciente do paciente é o protagonista, mestre e condutor da história. Será o paciente quem trará todo o conteúdo a ser trabalhado, seja através da associação livre ou das técnicas utilizadas para facilitar os mergulhos nestas águas profundas e desconhecidas, dos quais o paciente terá total lucidez.

Sobre as técnicas

Psicanálise: Base de estudo científica usada na compreensão da formação psíquica do Ser (personalidade) e consequentemente de suas dinâmicas emocionais.

Regressão de memória: Técnica utilizada para adentrar com mais facilidade no inconsciente do Ser. Utilizando-se de um relaxamento não-hipnótico, é possível trazer à tona memórias até então inconscientes, à luz da consciência, propiciando uma ressignificação e facilitando o processo de cura. Parte-se do princípio de que o inconsciente sempre trará à tona, inteligentemente, aquilo que pode e deve ser sabido pelo paciente, que pode ser de natureza desta vida ou de outros tempos.

Apometria clínica: Levando em consideração o aspecto espiritual/quântico/energético do Ser, aqui, o paciente entra em contato com o seu lado extrafísico. Através das técnicas de desdobramento e das leis apométricas desenvolvidas pelo Dr. José Lacerda de Azevedo, adaptadas à clínica, o paciente passa a tomar consciência de sua anatomia sutil ao desdobrar seu corpo mental/astral do seu corpo físico, o que possibilita uma série de processos de cura energética que terão influência positiva e direta no plano físico e na sua realidade do paciente hoje. O paciente desenvolve sua mediunidade e toma posse do seu verdadeiro Ser ao compreender sua história além do tempo x espaço e sua relação com as dinâmicas e aprendizados que lhes são apresentados hoje.


Como funciona

Você pode estar em qualquer lugar para se beneficiar da proposta terapêutica acima.
Tudo o que você precisa é:

– Se dispor de 1 (uma) hora por semana;
– Um ambiente tranquilo e confortável;
– Acesso a internet;
– Acesso ao Skype ou Zoom com áudio/vídeo disponíveis para conexão.

Para saber mais e verificar as possibilidades de agenda, entre em contato através do e-mail: [email protected]
ou pelo Whatsapp: +55 21 99945 8899

Atendimento presencial na capital do Rio de Janeiro nos bairros da Tijuca e Botafogo. 

Terapia Floral Alquímica

Saiba mais sobre esta maravilhosa terapia.